SEME

FÓRUM SPORTS BUSINESS EM SÃO PAULO MOSTROU OS AVANÇOS NO PAÍS ENTRE ESPORTES E NEGÓCIOS

Sports Business 2017.pngO Brasil caminha a passos largos no desenvolvimento dos esportes, alavancado pelos negócios e benefícios sociais que proporciona. Essa é a síntese do 1º Fórum Nacional Sports Business realizado esta semana no Hotel Maksoud Plaza,onde empresários e esportistas debateram em 11 painéis, que reuniram aproximadamente 30 palestrantes, as propostas que unem os dois segmentos: esportes e negócios.

IMG_6840

Cesar Roberdo Leão Graniere ( Fenaclubs ), Victor Hajjar ( Fiesp – Diretor de Esportes ), Soriedem ( Fiesp ) Alessandro Vieira ( Soccer Grass ), Sergio Shildt ( Recoma ) – Foto: Rick Sil

IMG_6864

Edson Gomes ( Soccer Grass ) – Foto: Rick Sil

Ações inovadoras estão sendo implantadas em todo o país, como explicou Sérgio Schildt, presidente da RECOMA, como as piscinas populares semiolímpicas  (25m x 20m) que sua empresa constrói, em módulos de fibra de vidro e entrega funcionando em uma semana, com tubulações, filtros e demais acessórios. “Muitas pessoas morrem por ano por não saberem nadar e hoje é praticamente impossível aprender, porque a balneabilidade das cidades está ruim, com rios e praias poluídas. Essas piscinas tem baixo custo, geram empregos e garantem lazer e saúde para a população. A política é oferecer a prática do esporte não só a atletas de alto rendimento, mas que também podem surgir nesses espaços”, diz Shildt.

IMG_6868

Luisa Xavier ( Win Arquitetura Esportiva ), Renato Cordano ( CBDA ), Sérgio Schildt ( Recoma & Abriesp ) & Paulo Felix ( Fluidra ) – Foto: Rick Sil

Raquel Viel, atleta paralímpica, patrocinada pela RECOMA, foi apresentada pela empresa como um exemplo de superação. Ela explicou como venceu há um ano um câncer de mama, os efeitos da quimioterapia, e com apenas 10% de visão desde o nascimento conquistou a medalha de bronze no Paralímpico Mundial no México, no dia 2 de dezembro último. “Tudo começou a mudar na minha vida por causa do esporte. Minha mãe me colocou para nadar aos 9 anos, para superar as barreiras físicas, e isso sempre me deu muita força. Depois do Paralímpico no Rio 2016, fui diagnosticada com a doença e passei por momentos difíceis no tratamento e suas sequelas, mas sempre acreditei que daria certo. Nesse tempo minha mãe morreu de câncer. Ganhar a medalha de bronze no México para mim foi medalha de ouro, pela nova oportunidade de viver”, disse a atleta, de 34 anos. Os componentes do painel onde ela participava e toda a platéia ficaram em pé batendo palmas por cerca de três minutos.

IMG_6883

Paulo Felix ( Fluidra Brasil ) & Raquel Viel ( Atleta Paralimpica ) – Foto: Rick Sil

As estruturas móveis – Fast Field -, em grama sintética, desenvolvidas pela Soccer Grass, são hoje uma solução moderna e rápida, quando se fala em quadra multiuso móvel, explicou Alessandro Oliveira, presidente da empresa.

IMG_6852

Victor Hajjar ( Fiesp ), Dr. Joaquim Grava & Alessandro Oliveira ( Soccer Grass ) – Foto: Rick Sil

Outra iniciativa da empresa é o basquete 3×3, agora esporte olímpico, que está em grande desenvolvimento no país por ser um esporte rápido, dinâmico e muito competitivo, com três jogadores por equipe, que jogam em meia quadra em direção a uma única tabela pela equipe que tem a posse de bola. O Brasil ocupa a 8ª posição no ranking mundial e o  atleta Luiz Felipe Soriani, nº 1 do ranking brasileiro e 64º do mundo, diz que o esporte vai crescer muito com o Circuito Brasileiro de 2018.

IMG_6885

Ricardo Trade ( CBB ), Sérgio Schildt ( Recoma & Abriesp ), Luis Marques ( Sesi ) & o atleta Luis Felipe Soriane ( 1 do Ranking Brasileiro ) – Foto: Rick Sil

Empresas diversas apresentaram seus projetos atuais, como o representante do SESI, Luiz Cláudio Marques, que falou do trabalho desenvolvido pela instituição nas suas 54 unidades: “Temos 160 escolas, 151 quadras, 47 piscinas, 53 ginásios, realizamos os Jogos Abertos do SESI e, no total, o SESI atende 350 mil usuários. Em todas as nossas atividades o fundamento é a pedagogia do exemplo”, disse ao relatar os diversos programas desenvolvidos pela instituição.

IMG_6860

Luiz Claudio Marques ( Sesi ) & Edson Gomes ( Soccer Grass ) – Foto: Rick Sil

IMG_6857

Luiz Claudio Marques ( Sesi )- Foto: Rick Sil

Financiamento, emendas parlamentares e Leis de Incentivo foram temas que abordaram como obter recursos para investimentos em construções esportivas.

Todas as propostas do Sports Business foram baseadas no conceito moderno de cidades inteligentes, orientadas por uma moderna metodologia chamada de “espaço esportivo inteligente”.

A realização do evento foi da ABRAPEFE – Associação Brasileira dos Profissionais de Educação Física e Esporte e Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, em parceria com inúmeras entidades, contando com o apoio de empresas do setor, como RECOMA, Soccer Grass, CREF4/SP e SStudio Marketing.

IMG_6865

Foto: Rick Sil

Anúncios
Categorias: 3x3, CBB, CBDA, Congresso, ESPORTE, Fórum, FIESP, Fluidra, Hotel Maksoud, Instalações Esportivas, Leis de Incentivo, Marketing Esportivo, Material Esportivo, Mega eventos, Natação, Piscinas, Recoma, Secretaria Municipal de Esportes, SEME, Sesi, Soccer Grass, Sports Business, Sports Business Congress, SSTUDIO Marketin & Entretenimento, SSTUDIO Marketing & Entretenimento, Uncategorized, Win Arquitetura Esportiva | Deixe um comentário

RECORD FORMALIZA APOIO A CBDC NOS III JOGOS MUNDIAIS DA IBSA

A Rede Record formalizou novamente, neste mês de março, seu apoio a CBDC (Confederação Brasileira de Desportos para Cegos) para os III Jogos Mundiais da IBSA – Brasil 2007, que será realizado de 28 de julho a 08 de agosto, simultaneamente nas cidades de São Paulo e São Caetano do Sul.

Este evento é o maior do mundo dentro deste segmento, reunindo mais de 50 países, com aproximadamente 1800 participantes em 10 dias de atividades.

Serão 7 modalidades esportivas: judô, atletismo, natação, goalball, powerlifting, futebol de cegos e futebol de deficientes visuais. Os melhores esportistas cegos e com baixa visão de todo o mundo estarão no mundial. Será uma competição classificatória para os Jogos Paraolímpicos de Beijing, em 2008.

Este apoio começou no ano de 2005 quando da realização dos IV Jogos Pan-americanos da IBSA, realizados no Brasil, evento que foi utilizado como teste e preparatório para o mundial deste ano. “Na oportunidade a participação da Rede Record e do Instituto Ressoar foram fundamentais para o sucesso do evento, pois abriu um espaço importante junto à mídia, para que a população pudesse ter acesso ao maravilhoso trabalho que vem sendo realizado junto e estes atletas brasileiros, cegos e portadores de baixa visão, que a cada ano, a cada evento esportivo, levam o Brasil ao topo do podium, quebrando recordes”, comenta Ricardo Gomes, assessor de marketing da CBDC.

Ricardo Gomes Silva, Ivanildo Lourenço, David Farias

Categorias: Beijing, Brasil, CBDC, Cegos, Comunicação, Deficientes Visuais, IBSA, Marketing Esportivo, Ministério do Esporte, Panamericanos, Paraolimpicos, Promoção, Record, Ricardo Gomes Silva, São Paulo, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

CBMERJ conquista 27 medalhas nos Jogos de Polícias e Bombeiros

O Corpo de Bombeiros, através do Centro de Educação Física e Desportos (CEFiD), participou brilhantemente dos XVII Jogos Internacionais de Polícias e Bombeiros (IPFG), quando conquistou 27 medalhas – 10 de ouro, 10 de prata e sete de bronze.

Categorias: Atletas, Bombeiros, Brasil, Comunicação, Educação Fisica, Entretenimento, ILEG, Instalações Esportivas, Marketing Esportivo, Material Esportivo, Patrocinadores, Policias, Preparação fisica, Ricardo Gomes Silva, São Paulo, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

Jogos Internacionais de Polícias e Bombeiros lançados oficialmente

Fonte: Eder Brito – Seme

Na manhã desta quarta-feira (12/07), foi oficialmente lançada a 17ª edição dos Jogos Internacionais de Polícias e Bombeiros, no salão nobre do Estádio do Pacaembu. Atletas de 20 nações, representando os cinco continentes estarão em São Paulo disputando as mais de 40 modalidades que compõem o torneio, além de três paraolímpicas (tiro, natação e levantamento de peso). O evento, gerenciado pela Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação da cidade de São Paulo (SEME), está pronto para começar.

“Os jogos estão prontos. Os locais e todos os eventos estão confirmados e definidos. A gente tem até um número maior de locais do que o necessário”, explica Ana Zuffo, principal nome da organização dos jogos na SEME. Ao todo, são 20 locais à disposição dos atletas, para a disputa das modalidades. Os principais locais de disputa serão o Complexo Vaz de Guimarães, no Ibirapuera, o CP da USP e o Complexo Desportivo Baby Barioni. “Nós queríamos conseguir algo deste porte dentro do Brasil”, explica Marcel Vinícius Rezende, presidente da CBEPB (Confederação Brasileira de Esportes de Polícias e Bombeiros). “Vencemos cidades canadenses e americanas na disputa. São Paulo é estruturada e a vontade dos outros países de virem ao Brasil também é grande”, complementa.

O lançamento oficial contou com a presença de autoridades estrangeiras representando as nações que participarão dos Jogos. A Rússia, maior delegação estrangeira, com 140 atletas, comprova a teoria de Rezende. “O Brasil é um país muito interessante e todo mundo quer participar. Este intercâmbio é muito importante. Além do esporte, eles podem trocar opiniões sobre sua vida profissional”, comenta Konstantin Biryukov, representante do consulado russo no evento. Josef Marsicek, cônsul geral da República Tcheca, também ressaltou a importância dos Jogos para os atletas de seu país. “É uma integração humana muito importante. Os policiais se conhecem para trocar experiências. É uma forma nova de cooperação”, diz.

Além do leste europeu, muito bem representado nos Jogos, a América do Sul também esteve presente no lançamento, celebrando o evento que, pela primeira vez, será disputado no continente. “O Brasil e especificamente São Paulo, tem uma infra-estrutura que permite receber toda nossa delegação. Foi importante que a iniciativa tenha sido tomada pela Secretaria de Esportes de São Paulo. Quem sabe a Venezuela também pode tentar sediar a próxima edição”, afirma Jorge Duran Centeno, cônsul geral do país no Brasil. Bulgária, Cazaquistão, Polônia, Austrália, Espanha, Argentina, México e Paquistão são algumas das nações que também confirmaram presença.

As equipes nacionais também estarão presentes, representando os policiais e bombeiros de nosso país. A maior delegação confirmada é a da Polícia Militar do Estado do Paraná, com 150 atletas. A disputa reunirá atletas da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Guarda Municipal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária, Poder Judiciário, Agentes Penitenciários, Polícia das Forças Armadas (exército, marinha e aeronáutica), e os maridos e as esposas dos Policiais e Bombeiros.

“É extremamente importante realizar um evento como o Police & Fire Games na cidade de São Paulo. Temos que parabenizar todos os funcionários da SEME pela organização”, lembrou o Secretário de Esportes, Lazer e Recreação da Cidade, Heraldo Corrêa Ayrosa Galvão, presente no lançamento. A Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer, envolvida na organização dos Jogos, também marcou presença com o coordenador de esportes e lazer, Antônio Carlos Pereira. “Além de competirem pelo seu país, pela sua cidade, pela sua corporação, os atletas vêm em busca do congraçamento. E São Paulo tem todas as condições de recebê-los maravilhosamente bem”, diz o coordenador.

O lançamento oficial foi aberto à imprensa e contou com a presença de muitas autoridades.

Sr. Heraldo – Secretario Municipal de Esportes (centro)

Magic Paula

 

Sr. Ricardo Gomes Silva – CEO SST MKT

Os XVII Jogos Internacionais de Polícias e Bombeiros são uma realização da Confederação Brasileira de Esportes de Polícias e Bombeiros e da ILEG (International Lawn and Enforcement Games), Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação da Cidade de São Paulo, Secretaria de Estado da Juventude, Esportes e Lazer de São Paulo, São Paulo Turismo, Ministério do Esporte e Embratur. Conta com o apoio da Secretaria Especial da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida (SEPED), Secretaria de Cultura, site Mídia Sport, Blue Media, Revista Atividade e Ação, STI Esporte, Jornal SegNews, site SeguridadyDefensa.com, federações esportivas, São Paulo Visitors & Convention Bureau, http://www.dial55.com , IPA (International Police Association Brasil), Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, Academia de Polícia Militar do Barro Branco, Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana, ANSEF Associação Nacional dos Servidores da Polícia Federal, Policia Federal, ADPESP – Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo, Polícia Civil do Estado de São Paulo e SSTUDIO Marketing.

Categorias: Bombeiros, Brasil, Comunicação, Marketing Esportivo, Patrocinadores, Policias, Ricardo Gomes Silva, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Tags: , , , | Deixe um comentário

Seja voluntário nos Jogos Internacionais da Polícia e Bombeiros

A Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação da cidade de São Paulo (SEME) está com inscrições abertas para quem deseja ser voluntário na 17ª edição dos Jogos Internacionais de Policiais eBombeiros. O maior evento do esporte entre policiais e bombeirosdeve reunir cerca de 8.000 atletas de 110 países diferentes nestaedição, que acontece pela primeira vez na América Latina.

O aluno do curso de Educação Física da Metodista terá vantagens sefizer a inscrição. Ele terá a participação contabilizada como carga horária de estágio. A regra é válida paraestudantes de qualquer ano da graduação.

Todos os outros voluntários receberão uniforme oficial da competição, vale-refeição, transporte para os locais de jogos e um certificado de participação expedido pela SEME e pela Confederação Brasileira deEsportes das Polícias e Bombeiros. A ILEG (International Law Enforcement Games, organizadora internacional dos Jogos) e a Secretaria de Segurança Pública também devem assinar o certificado.

“Qualquer pessoa com mais de 18 anos pode inscrever-se. Basta querer participar”, explica Lúcia Laudísio, responsável pelo trabalho voluntário na SEME. “O interessado só precisa ter disponibilidade de, no mínimo, um período: manhã, tarde ou noite”, complementa.

Quem se inscrever pode optar em participar dos cerimoniais, recepcionando e orientando os atletas nos locais de competição ou nos hotéis (quando necessário) ou ajudar diretamente nos jogos e cerimônias depremiação. Cada inscrito deve optar por três modalidades, no mínimo (veja lista completa de modalidades na ficha de inscrição). Sempre haverá um coordenador técnico de cada modalidade, orientando os voluntários.

A inscrição pode ser feita pelo linkwww4.prefeitura.sp.gov.br/semebiblioteca/jipb. Outras informações ou dúvidas através dos telefones 5088-6500 ou pelo email luciasantos@prefeitura.sp.gov.br.

É a primeira vez que os Jogos Internacionais das Polícias e Bombeiros acontecem em uma cidade da América Latina. “A cidade de São Paulo foi escolhida graças a um trabalho profissional, realizado por todas as partes envolvidas: Município, Estado e Governo Federal. Todos trabalharam e conseguiram demonstrar a capacidade técnica que São Paulo tem de sediar um evento deste porte”, explica Ricardo Gomes, diretorexecutivo da SStudio Marketing, empresa que auxilia a SEME na organização e na divulgação do evento.

Categorias: Atletas, Bombeiros, Brasil, cidade, Comunicação, Entretenimento, ILEG, Instalações Esportivas, Marketing Esportivo, Patrocinadores, Policias, Preparação fisica, Promoção, Ricardo Gomes Silva, São Paulo, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

Jogos Internacionais da Polícia e Bombeiros terão espaço para voluntários

O maior evento do esporte entre policiais e bombeiros deve reunir cerca de 8.000 atletas de 110 países diferentes nesta edição. Quem se inscrever pode optar em participar dos cerimoniais ou ajudar diretamente nos jogos e cerimônias de premiação.

A Secretaria de Esportes, Lazer e Recreação da cidade de São Paulo (SEME) continua recebendo inscrições dos interessados em participar como voluntários na 17ª edição dos Jogos Internacionais de Policiais e Bombeiros. O maior evento do esporte entre policiais e bombeiros deve reunir cerca de 8.000 atletas de 110 países diferentes nesta edição.

O voluntário receberá uniforme oficial da competição, vale-refeição, transporte para os locais de jogos e um certificado de participação expedido pela SEME e pela Confederação Brasileira de Esportes das Polícias e Bombeiros. A ILEG (International Law Enforcement Games, organizadora internacional dos Jogos) e a Secretaria de Segurança Pública também devem assinar o certificado.

“Qualquer pessoa com mais de 18 anos pode inscrever-se. Basta querer participar”, explica Lúcia Laudísio, responsável pelo trabalho voluntário na SEME. “O interessado só precisa ter disponibilidade de, no mínimo, um período: manhã, tarde ou noite”, complementa.

Quem se inscrever pode optar em participar dos cerimoniais, recepcionando e orientando os atletas nos locais de competição ou nos hotéis (quando necessário) ou ajudar diretamente nos jogos e cerimônias de premiação. Cada inscrito deve optar por três modalidades, no mínimo (veja lista completa de modalidades na ficha de inscrição). Sempre haverá um coordenador técnico de cada modalidade, orientando os voluntários.

Para quem é aluno do curso de Educação Física das universidades FMU, Fefisa e Metodista, as vantagens são ainda maiores. O aluno inscrito como voluntário nos Jogos terá a participação contabilizada como carga horária de estágio. A regra é válida para estudantes de qualquer ano da graduação.

A inscrição pode ser feita pelo link www4.prefeitura.sp.gov.br/semebiblioteca/jipb. Outras informações ou dúvidas através dos telefones 5088-6500 ou pelo email luciasantos@prefeitura.sp.gov.br.

É a primeira vez que os Jogos Internacionais das Polícias e Bombeiros acontecem em uma cidade da América Latina. “A cidade de São Paulo foi escolhida graças a um trabalho profissional, realizado por todas as partes envolvidas: Município, Estado e Governo Federal. Todos trabalharam e conseguiram demonstrar a capacidade técnica que São Paulo tem de sediar um evento deste porte”, explica Ricardo Gomes, diretor executivo da SStudio Marketing, empresa que auxilia a SEME na organização e na divulgação do evento.

Categorias: Bombeiros, cidade, Comunicação, Educação Fisica, Entretenimento, ILEG, Investimentos, Marketing Esportivo, Material Esportivo, Ministério do Esporte, Patrocinadores, Policias, Promoção, Ricardo Gomes Silva, São Paulo, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

SÃO PAULO SEDIA PANAMERICANO PARA CEGOS E DEFICIENTES VISUAIS

No “embalo” da melhor performance dos atletas paraolímpicos brasileiros da história (com 33 medalhas, sendo 14 de ouro, 12 de prata e sete de bronze), ocorrida nos Jogos de Atenas, encerrados na semana passada, a Sstudio, empresa comandada por Ricardo Gomes, profissional que atua nos segmentos esportivo e cultural há mais de 20 anos, e a Associação Brasileira de Desportes para Cegos (ABDC) anunciam para o segundo semestre de 2005 a organização da quarta edição dos Jogos Panamericanos de Esportes para Cegos e Deficientes Visuais. A competição (ainda sem data definida) acontecerá na cidade de São Paulo, com provas de atletismo, judô, natação, xadrez, goalball e futebol. Em paralelo, acontecerá a 2ª Copa Mundial de Judô para Cegos.

Os deficientes visuais foram responsáveis por 18 das 33 medalhas brasileiras e ajudaram o país a ficar na 14ª posição no quadro geral de medalhas, entre os 143 participantes. Nos Jogos de Atenas, o Brasil superou grandes potências paraolímpicas, como Cuba, Áustria, Nova Zelândia, Dinamarca, México e Itália.

Os 4º Jogos Panamericanos de Esportes para Cegos e Deficientes Visuais deverão reunir mais de 800 atletas dos principais países do continente. De acordo com Ricardo Gomes, os organizadores do evento continuam buscando empresas interessadas em patrociná-lo. “Algumas já perceberam que apoiar o esporte paraolímpico agrega valor e contribui para a inclusão social destes atletas, que estão sempre superando obstáculos duas vezes“, afirma. “É importante ressaltar que eles também são consumidores de produtos de telefonia, esportes, artigos de consumo em geral, eletroeletrônicos, health care, cartões de crédito, veículos e outros”, comenta Ricardo, que acredita na abertura de mais espaço na mídia e nas empresas para este público em decorrência dos Jogos de Atenas.

Categorias: Alto Rendimento, Atenas, Ativação, Atletas, Brasil, Cegos, Comunicação, Deficientes Visuais, Educação Fisica, Entretenimento, Instalações Esportivas, Investimentos, Judô, Marketing Esportivo, Material Esportivo, Ministério do Esporte, Panamericanos, Paraolimpicos, Ricardo Gomes Silva, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

I Jogos Brasileiros de Policias e Bombeiros

São Paulo (SP) – Mais de 500 atletas participaram neste final de semana, em São Paulo, da primeira edição dos Jogos Brasileiros de Polícias e Bombeiros, competição entre órgãos de segurança pública no Brasil que teve a disputa de oito modalidades. O evento, realizado no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP), reuniu 460 homens e 48 mulheres e classificou 42 atletas para os Jogos Internacionais de Polícias e Bombeiros, em agosto, em Las Vegas (EUA).

“Os espíritos de união e confraternização prevaleceram, mostrando que o esporte é a melhor maneira de unir as pessoas, pois nele não existe diferença entre os profissionais”, afirmou o tenente Marcelo Vinícius Costa Rezende, presidente da Confederação Brasileira de Esportes das Polícias e Bombeiros (CBEPB).

Policiais militares, civis e federais, guardas municipais, agentes penitenciários e membros da Receita Federal e do Poder Judiciário disputaram provas de judô, natação, braço de luta, atletismo, caratê, supino, TCA (policial mais resistente) e Submission/jiu-jitsu. “Os índices estipulados pela Confederação colocam os atletas brasileiros na briga direta por medalhas em Las Vegas. Esperamos pela primeira vez representar bem o Brasil e mostrarmos o que os demais países vão encontrar em 2006 no Brasil, quando seremos sede dos Jogos Internacionais”, lembrou o tenente Vinícius.

Alguns atletas se destacaram na competição. Leandro Camponi, da PMESP, conseguiu a marca de 200 Kg no supino categoria até 100 Kg, chegando próximo do recorde mundial de Polícias, que é de 205 Kg. Surgiram também Francisco Paulo Roberto, da GCM / SP, medalha de ouro no Supino categoria até 68 Kg, no Submission e no Judô, e Marcelo Ricci Coelho, da PMESP-Guarujá, que também sagrou-se campeão no Submision e no Judô, mostrando uma técnica extremamente apurada. Ana Paula Martins, da PMESP, de apenas 19 anos, bateu o recorde brasileiro das Polícias nos 50 metros livre.

Os Jogos são fruto do sonho do tenente Vinícius. Atleta da Polícia Militar do Estado de São Paulo, ele resolveu fundar a CBEPB em 2003, em conjunto com atletas representantes das diversas corporações de forças de segurança brasileiras. Os Jogos foram organizados pela CBEPB e pela Sstudio Criação, Consultoria, Planejamento e Operações de Eventos Culturais, Esportivos e Promocionais. O apoio foi da Secretaria Municipal de Esportes de São Paulo, operadora de turismo Planeta Brasil, Secretaria de Segurança Urbana da capital paulista e do website Blue Mídia.

Categorias: Bombeiros, Brasil, Marketing Esportivo, Policias, São Paulo, Secretaria de Esportes, SEME, SSTUDIO Marketing & Entretenimento | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.